Quinta-feira, 18 de maio de 2017 às 9:12 em Notícias
Irmã de Aécio, Andrea Neves é presa em Minas Gerais

Alvo de mandado de prisão preventiva, Andrea Neves, a irmã do senador Aécio Neves, foi levada pela Polícia Federal na manhã desta quinta-feira (18/5), por volta das 8h30 em Nova Lima, região metropolitana de Belo Horizonte. Ela é um dos nomes ligados ao parlamentar que são alvos de operação deflagrada por volta das 6h. O procurador Ângelo Goulart, do TSE também foi preso na mesma ação da PF.

Outros alvos são o senador Zezé Perrella (PMDB-MG), o deputado Rocha Loures (PMDB-PR) e Altair Alves, que ficou conhecido como braço direito do ex-deputado Eduardo Cunha. Os policiais também cumprem mandados de busca e apreensão nos endereços relacionados ao senador no Rio de Janeiro, em Brasília e em Belo Horizonte.
 
A operação ocorre poucas horas após a delação premiada dos executivos do grupo J&F, que coordena a empresa JBS, os irmãos Joesley e Wesley Batista, vazar ao público. Na delação, os executivos afirmaram que Aécio Neves foi gravado pedindo R$ 2 milhões a um dos donos da empresa, para pagar sua defesa na Operação Lava Jato. 
COMENTÁRIOS